Habitec na web | acesse por aqui também

acesse orkutacesse twiter acesse facebook

Dez

10

2019

Dicas

Você sabe como tirar adesivos da madeira?

terça, 10/12/19 | por Excom Digital | tags casa, adesivo, madeira, dicas

Ver a porta de um armário, uma gaveta ou até uma janela repleta de adesivos é algo comum. As crianças costumam colar todos os tipos de adesivos nos mais diversos lugares da casa, porém, quando a questão é removê-los, ninguém sabe por onde começar.

Confira, no blog da Habitec, dicas de como remover de forma eficaz os adesivos em superfícies de madeira.

Secador de cabelo

A melhor forma de retirar os adesivos é aquecendo. O processo é quimicamente explicável: as moléculas de cola, quando aquecidas, se expandem e se soltam. O ideal é que se use algo fino e retilíneo para retirá-los, como uma régua ou espátula.

Pode ser usada também uma pinça, caso as pontas do adesivo estejam soltas. É só segurar o secador apontado para o papel e ir puxando conforme for ficando mais soltinho.

Solventes

Alguns solventes permitem retirar adesivosda madeira, como vinagre branco, removedor de cola, vaselina e óleo vegetal. Há também os solventes mais fortes, altamente inflamáveis e mais perigosos, como fluídos de isqueiro, tíneres, tíneres de acetona e álcool isopropílico.

Nesses casos, a melhor forma de retirar é aplicar a solução em um pano e pressionar sobre o adesivo, esfregando levemente. Pressionar de maneira forte pode colar ainda mais, o que deixa resquícios.

Remoção de resíduos

Se mesmo com os métodos falados anteriormente você não conseguir remover completamenteos restos de cola, uma solução é utilizar uma bucha com água e detergente.

Em último caso, pode-se usar uma lixa, mas ela vai danificar o móvel, portanto, só pode ser utilizada em um móvel mais velho. Em superfícies não envernizadas, os adesivos são muito difíceis de serem removidos.

Dez

03

2019

Dicas

Como transformar sua casa em uma sala de cinema

terça, 03/12/19 | por Excom Digital | tags casa, cinema, cinema em casa

Uma sala de cinema dentro da própria casa é uma experiência incrível, porém, para colocar em pratica este projeto, são necessários alguns ajustes.

Hoje, o blog da Habitec traz algumas dicas de como transformar sua casa em uma sala de cinema. Ajeite-se na poltrona e comece a planejar!

Projetor

Uma televisão grande garante uma boa experiência, mas um projetor traz algo completamente novo e especial. O ideal é projetar em uma parede branca, caso contrário, o filme pode perder suas cores e ficar desconfigurado.

Outro erro bem comum é projetar sobre uma cortina branca, pois as dobras no tecido acabam interferindo na projeção, seja diminuindo a tela ou alterando detalhes importantes.

Existem mini-projetores de R$ 170,00 a R$ 400,00, depende do quanto você está disposto a gastar. Os projetores mais profissionais podem custar até mais de mil reais, mas não há necessidade de um investimento desse nível.

Home theater

Uma das maiores diferenças entre assistir um filme em casa e no cinema é o som, por isso, um cuidado especial com essa parte torna a experiência única. Nesses casos, um home theater pode ser a solução

Com um sistema de 5.1, o home theater traz sons em 3Dque dão a sensação de imersão completa no filme. O investimento é um pouco maior que do projetor, cerca de R$ 500,00, além dos gastos de uma instalação profissional, pois as caixas de som posicionadas nos locais certos fazem com que a distribuição de som seja perfeita.

Bons filmes

Falta apenas um detalhe: o filme a ser assistido.

Na Netflix, há uma série de filmes que foram premiados e merecem ser vistos. Outros serviços de streaming, como Amazon Prime e Telecine Play, também trazem excelentes opções que podem agradar a todos os gostos.

Cada serviço possui características especiais: a Netflix tem um catálogo de filmes originais maior, a Amazon possui filmes diferentes do comum e o Telecine traz filmes mais recentes em sua biblioteca, fica à sua escolha!

 

Agora é só preparar a pipoca, apagar as luzes e curtir um cinema sem sair de casa.

Nov

26

2019

Dicas

Aprenda a organizar a sua garagem

terça, 26/11/19 | por Excom Digital | tags garagem, organização, habitec, dicas, casa

Um dos lugares que não se dá muita atenção na hora da faxina é a garagem, pelo fato de ser o ambiente onde se passa menos tempo e pela pouca praticidade em organizar o espaço. Por isso, o blog da Habitec traz dicas de como organizar sua garagem.

Lugares específicos

Objetos jogados no chão dão a impressão de que o local está mais bagunçado do que realmente está. Um espaço específico para as bicicletas, por exemplo, faz toda a diferença, já que elas são grandes e, muitas vezes, bloqueiam a entrada dos carros.

A vantagem de se manter a garagem organizada, além de auxiliar no dia a dia, evita-se esbarrões que possam riscar o carro, algo que causa um prejuízo muito maior do que apenas a bagunça em si.

Estantes

Outra grande dica para organizar este a garagem é ter uma ou várias estantes, ganhando, assim, bastante espaço com capacidade de organização.

A estante pode ter outras substituições, um outro móvel qualquer, o importante é que exista um espaço para centralizar os objetos antes espalhados em um lugar só.

Caixas

As ferramentas e itens para pequenas obras e ajustes em casa também costumam ser guardados na garagem, e como são peças fáceis de perder e bagunçar, precisam de um lugar específico.

As caixas de ferramentas são boas opções, porém, é preciso ter o cuidado de não virar apenas um recipiente no qual se joga de tudo lá dentro. O ideal é ter caixas distintas para cada categoria de ferramenta: uma para as chaves (fenda e Philips), uma para itens de pintura (rolinhos e pincéis), uma para ferramentas mais pesadas (martelos e serras), uma para itens muito pequenos (pregos e parafusos), por exemplo.

 

Gostou das dicas? Aproveite e organize a sua garagem ainda hoje!

Out

31

2019

Dicas

Como armazenar vinhos em casa

quinta, 31/10/19 | por Excom Digital | tags vinhos, organização

Os amantes de vinhos e quer entender mais sobre o assunto sempre esbarram na mesma questão: como armazenar a bebida os vinhos em casa da melhor maneira possível?

Hoje o Blog da Habitec traz dicas de como armazená ? las e extrair o melhor dessa iguaria milenar.

Temperatura e umidade

A primeira preocupação de se guardar vinhos é em relação a temperatura e umidade, dois fatores que podem afetar o gosto do vinho e alterar algumas características que os enólogos garantem que farão toda a diferença na percepção final.

A temperatura ideal é de 12°C a no máximo 24°C, acima disso pode até estragar a bebida se não for consumida imediatamente. Manter abaixo de 12°C não altera muito no gosto do vinho, mas pode pausar o envelhecimento, o que pode ser positivo em uvas que não possuem essa característica de fermentação prolongada. As oscilações também são um fator primordial, o aconselhável é que não haja uma variação maior que 2,7°C ao longo de um ano.

A umidade, por sua vez, também está entre os fatores mais importantes. Em ambientes de umidade baixa as rolhas podem secar e isso ocasiona uma oxigenação do vinho, impactando negativamente o sabor e o aroma. O ideal é uma umidade entre 65% e 70 %.

Como posicionar as garrafas

Existe uma grande discussão entre os enólogos acerca da maneira ideal de se manter uma garrafa de vinho. Alguns defendem que não há nenhuma diferença, porém outros argumentam que o ideal é manter as garrafas deitadas pensando em hidratar a rolha e evitar seu ressecamento e, como foi dito acima, uma possível oxigenação.

Pela facilidade e manutenção de espaço a maioria acaba optando por deixar as garrafas deitadas em repouso.

Local

Após as dicas faladas acima acerca da umidade e da posição das garrafas de vinho, a informação final é em relação a incidência de luz e movimento.

O ideal é manter em ambientes sem muita movimentação, para não gerar a oxidação e alteração no sabor. Outro fator é a incidência de luza, seja de sol ou de lâmpadas mais fortes. Nos dois casos há uma grande chance de fermentação gerada a partir do calor, portanto o ideal é permanecer sem muita luz sobre as garrafas.

Out

29

2019

Dicas

Cantinho Pet no seu apartamento

terça, 29/10/19 | por Excom Digital | tags pet, cachorro, gato, apartamento

Para se organizar em um local reduzido e proporcionar todo o conforto para os seus animais de estimação, o Blog da Habitec traz dicas de como organizar seu Cantinho Pet no apartamento.

Separar um local

Separar um canto especial é primordial, seja pela organização ou para definir um espaço de conforto para o animalzinho. Esse local não deve ser muito quente, mas deve ter uma incidência de sol, principalmente para que o pet possa ter um pequeno banho de sol diário e seus itens de pano, cama e cobertores, recebam um pouco de luz.

Itens do cachorro

Cama, cobertores, brinquedos são alguns itens que podem até não estar na lista de extrema necessidade, mas podem ser apesar de serem muito úteis e trazem conforto e bem estar para o bichinho. O que realmente faz falta e tem prioridade são as vasilhas de água e comida, indispensáveis para o animalzinho.

O que muitas pessoas têm dúvida são os locais onde devem estar esses potinhos. O mais recomendável é que eles estejam em uma lavanderia ou áreas de limpeza, pois sempre o pet derruba um pouco de ração e é ideal limpar na hora para não atrair insetos. Esse é o motivo das vasilhas preferencialmente não ficarem na sala ou na cozinha.

Limpeza

Para se ter um animal de estimação em um apartamento é preciso ter em mente que esse bichinho requer cuidados redobrados com relação a limpeza. Ensinar ao pet os lugares para fazer as necessidades é só o começo, depois disso é importante dar banho e cuidar do mau cheiro que é natural depois de alguns dias sem os cuidados com a higiene.

O ideal é limpar o local que o pet fica e de tempos em tempos providenciar os banhos do animalzinho. Limpar o cantinho onde ele dorme e seus itens é um cuidado que muitos não têm, mas a cama e os cobertores podem ser lavados com sabão e amaciante neutros para evitar alguma possível alergia do bichinho.

Limites de espaço

Seu cachorro precisa de espaço para respirar, correr, tomar sol e fazer as necessidades, por isso é ideal sempre que possível tirar o pet do apartamento, descer e permanecer um pouco com ele no espaço aberto. Gatos se adaptam mais a ambientes fechados, mas cachorros precisam liberar a energia e correr um pouco.

Em relação aos limites dentro do apartamento, alguns donos não gostam que os pets estejam dentro de seus quartos ou sobre a cama, por motivos pessoais ou de saúde, por exemplo. Para isso é sempre bom definir limites e encostar a porta quando sair, caso esta seja a sua opção.

Mas a dica de ouro é que ter um animalzinho de estimação deve ser uma escolha consciente, pois trata-se de um ser vivo que necessita de cuidados constantes e muito carinho, em contrapartida a troca é de muito companheirismo e diversão.

Destaques Habitec Elegance -ref. 1109Ed. Viver Batel-1191

Acesso rápido

Vendas

41 3340-3222
8490-4169

Lançamentos

41 3340-3229
8490-4169

Locações

41 3340-3258

ADM.Aluguéis

41 3340-3202

Avaliações

41 3340-3243

habitec imóveis

© 2010 - HABITEC ASSESSORIA TECNICA HABITACIONAL LTDA - CRECI J685
desenvolvido por Sulcriativa Comunicação